Salif Keita humilhado no Aeroporto da Guiné-Conacri
O artista maliano, Salif Keita, que terá se deslocado para a Guiné-Conacri para um concerto de 50 anos de carreira, foi humilhado no Aeroporto de Conakry.

ANÚNCIO

ANÚNCIO

Salif Keita foi humilhado quando desceu do avião no aeroporto de Conacri. O acesso à sala VIP foi negado pelos serviços da SOGEAC (Conakry Airport Management Company), o que causou uma onda de indignação entre seus fãs, muito numerosa na Guiné.

“Gostaria de agradecer ao Presidente Condé que, após o incidente no aeroporto, quis viajar ao meu show para me confortar, confirmar a unidade entre o Mali e a Guiné e expressar meu arrependimento por meu tratamento no salon d'honneur ”, disse Salif Keita. 

De salientar que, o artistas para além de comemorar os 50 anos de carreira, também estava a celebrar os seus 70 anos de idade, preferindo passar estas datas importantes naquele país.

Fonte: Africaguinee / Redacção

REAÇÕES

COMENTÁRIOS