Processo para julgamento de Manuel Vicente está dar primeiros passos
O Procurador-Geral da República, João Maria de Sousa, garantiu que o processo de julgamento do antigo vice-presidente da República, Manuel Vicente, está dar os primeiros passos e deve ser “levado muito sério”.

Depois do antigo Governo angolano recusar a colaborar com a justiça portuguesa no processo que é arguido Manuel Domingos Lourenço, antigo vice-presidente da República, acusado de corrupção activa, por atentar a soberania do Estado angolano. 

Em conferência de imprensa concedida na sexta-feira, 24, sabe a Angola-Online, o PRG assegurou que as autoridades judiciais angolanas estão dispostas a colaborar com Portugal no processo. 

“Este processo está dar os primeiros passos, a determinação do seu caminho passará também pelo pedido de cooperação judiciária a Portugal” que terá de enviar uma carta rogatória, fez saber João Maria de Sousa, dando a conhecer que o processo deve ser “levado muito sério”.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS