Nove pessoas morrem por dia de malária na Huíla
A malária continua a ser a principal causa de morte no país, nove pessoas morrem diariamente da doença, no município da Matala, província da Huíla.

Em média nove pessoas morrem nas unidades hospitalares de malária. 

Para minimizar o surto da doença naquela região do país, a directora municipal de Saúde, Florença Cambangula, assegurou que estão sendo feitas actividades que visam prevenir e combater a malária.

A responsável sublinha de igual modo que, decorrem campanhas de sensibilização de limpeza e distribuição de mosquiteiros para evitar a proliferação da doença.  

Fonte: Angop

REAÇÕES

COMENTÁRIOS