Marcelo Rebelo de Sousa conquista Angola com sua generosidade
Depois de conquista o mundo com a sua simplicidade, Marcelo Rebelo de Sousa, venho a Angola, em visita oficial, de quatro dias, onde a sua generosidade comoveu o povo angolano abrindo assim um "novo ciclo" nas relações bilaterais entres os dois países.

O chefe de Estado português agradeceu a forma como foi acolhido em Angola, disse que nunca mais esquecerá esta visita e acima de tudo o contacto com a população, "a verdade do abraço, do beijo, do olhar, da palavra de um sem número de angolanos que amam Portugal e de um sem número de portugueses que amam Angola".

O Presidente português,  considera o contexto actual de "um novo ciclo que corresponde, aliás, a um novo ciclo da vida política angolana e do relacionamento com Portugal".

"Agradeço a Angola, ao povo angolano, agradeço a esse nosso povo irmão, mas agradeço também a vossa excelência, senhor Presidente (João Lourenço), a generosidade com que me acolheram e que nunca mais esquecerei na minha vida", disse o PR português.

No seu entender, "isso valeu e vale ainda mais do que seis meses de labuta em torno de 35 acordos, de certificações de dívida, de estímulos ao investimento, de cooperação na educação, na saúde, na segurança social, na Administração Pública, no poder local, na justiça e na defesa".

"Porque são os povos, e só eles, a razão de ser dos poderes políticos, dos políticos - não o amor-próprio, não a vaidade, não a conveniência, não a ambição", argumentou.

Além de Luanda, Marcelo Rebelo de Sousa passou ainda pelas províncias de Benguela e Huíla. A visita que terminou hoje, 9 de março, data em que completa três anos de mandato.

Fonte: Lusa

REAÇÕES

COMENTÁRIOS