Manifestação em Luanda termina com mordidas e desaparecimentos
Os activistas Luaty Beirão e Francisco Mapanda (Dago Nível Intelecto) foram mordidos por cães da polícia durante a manifestação ocorrida esta manhã, exigindo a demissão do ministro da Administração do Território, Bornito de Sousa. Informações dão conta do desaparecimento do activista Nelson Dibango, durante a manifestação.
Crédito de Club-K

Apesar de ser solicitada ao Governo da província, a manifestação foi marcada por confrontos entre a polícia e os manifestantes. 

‘’Tendo em conta o nosso compromisso com a transparência do processo eleitoral, como uma das formas é evitar a fraude eleitoral, sairemos às ruas em protesto”, lê-se na carta que os activistas enviaram ao Governo Provincial de Luanda, informando sobre a manifestação.

No entanto, a causa da manifestação é o facto do actual Ministro do Território, Bornito de Sousa ter sido anunciado este mês como número dois da lista candidata do MPLA às eleições gerais, concorrendo assim ao cargo de vice-presidente. É importante lembrar que a lista do partido no poder em Angola desde 1975 é liderada pelo general João Lourenço, actual vice-presidente do MPLA e ministro da Defesa, que dessa forma concorrerá à Presidente da República.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS