Jovens são mortos por engano no bairro Malueca
Um grupo de cidadãos civis identificado por muçulmano, matou dois jovens que saíam duma festa as 04 horas da madrugada, por alegadamente serem delinquentes.

Os jovens Francisco António e Leitinho, foram espancados e queimados até a morte, na madrugada desta quarta-feira, pelo grupo denominado  Muçulmanos, por alegadamente serem delinquentes.

Segundo familiares das vítimas, os jovens foram interpelados pelo referido grupo que faz ronda pelo bairro, no sentido de manter a segurança e tranquilidade. Apesar de implorarem para não serem mortos por estarem a sair duma festa, como confirmam os moradores à Angola-Online, mesmo assim, foram mortos. 

O grupo criado há um mês, segundo ainda os moradores deste bairro do município do Cazenga, fazem cobrança de 100 kzs diariamente de casa em casa, para alegadamente garantir o sossego na zona.

Alguns elementos do grupo são conhecidos pelos moradores, estão andar pelo bairro e outros em fuga.

O assunto já é do conhecimento da Polícia Nacional, que investiga os crimes. Enquanto isso, as famílias exigem que se faça justiça.

Redacção

REAÇÕES

COMENTÁRIOS