Jovem mata barbaramente a mulher na presença da polícia e dos filhos
Vanda Francisco Tchipuku, de 28 anos, foi barbaramente espancada até a morte pelo marido, por alega traição, na presença dos três filhos menores, dois agentes da polícia e vizinhos. O crime ocorreu no bairro da Estalagem, em Viana.

O crime ocorreu na tarde do último sábado, sabe a Angola-Online, quando a vítima convivia com as amigas perto de casa, e foi surpreendido pelo esposo que o começou a espancar por alegadamente receber a informação de um amigo que estava traí-lo.

As amigas e vizinhos foram impedidos de acudir a vítima por seis amigos do homicida, apesar da mesma ser atingida com vários golpes de objectos contundentes. 

Chamada ao local, dois agentes da polícia afectos a esquadra local, também foram impedidos pelos comparsas do homicida e limitaram-se a assistir a consumação do crime.

A vítima foi atingida com bloco nas costas que o deixou inanimada, mesmo assim, o homicida continuou a espancá-la, tendo-a atingido com segundo bloco na cabeça e, golpear com caco de garrafa a região do órgão genital.

Depois de consumar o acto, o homicida arrastou o corpo até a sua residência, tapou e abandonou o local na companhia dos seus amigos.

Minutos depois, tomou conhecimento a Angola-Online através da sua fonte, a mãe do homicida apareceu no local, para levar os três netos de 9, 7 e dois anos, que assistiram a mãe a ser morta a pancada.

O caso já está entregue a polícia e o homicida encontra-se foragido. A família que se faça justiça. 

Fonte: O País

REAÇÕES

COMENTÁRIOS