João Lourenço poderá exonerar Zenu dos Santos
O Presidente da República, João Gonçalves Lourenço, deu a conhecer que está avaliar a nova estratégia de gestão do Fundo Soberano, apresentado pelo Ministério das Finanças, e nos próximos dias poderá exonerar o actual gestor, José Filomeno dos Santos “Zenu.”

O filho do antigo presidente da República, José Eduardo dos Santos, poderá ser exonerado nos próximos dias da gestão do Fundo Soberano, anunciou hoje, em entrevista colectiva seguida pela Angola-Online, João Gonçalves Lourenço.

“Em relação ao Fundo Soberano, não diria que vou exonerar, mas pode vir acontecer”, disse João Lourenço, dando a conhecer que está avaliar a proposta apresentada pelo Ministério das Finanças, depois do diagnóstico feito por “uma empresa idónea” nas contas do Fundo Soberano. 

Para um melhor controlo do dinheiro posto à disposição do Fundo Soberano, o presidente da República fez saber que nos próximos dias tomará novas medidas.

REAÇÕES



COMENTÁRIOS