João Lourenço exonera Zé Maria e Ambrósio de Lemos
O Presidente da República, João Gonçalves Lourenço, usando das faculdades que a constituição lhe confere, exonerou hoje, "Zé Maria", do cargo de chefe do Serviço de Inteligência e Segurança Militar (SISM), e Ambrósio de Lemos do comando geral da Polícia Nacional (PN).

Em substituição, João Gonçalves Lourenço nomeou Apolinário José Pereira, para o cargo  de chefe do Serviço de Inteligência e Segurança Militar (SISM), e Alfredo Eduardo Manuel, para o cargo de comandante-geral da Polícia Nacional (PN).

Com menos de três meses no poder, João Lourenço, já fez 62 exonerações.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS