João Lourenço alerta que há "malandros" que pretendem derrubar o MPLA
O cabeça-de-lista do MPLA para as eleições gerais, João Lourenço, está em Moçambique para uma visita de Estado de um dia, e aproveitou a ocasião e denunciou a existência de forças internas e externas que pretendem derrubar o MPLA em Angola e a Frelimo em Moçambique, por isso apelou a união entre as duas formações políticas.

Segundo conta o Club K, o vice-presidente do MPLA e candidato do partido no poder à presidência do país nas eleições gerais, sem citar nomes, denunciou a existência de forças que pretendem derrubar partidos libertadores em Angola e em Moçambique."Os malandros estão unidos, quer os de dentro quer os de fora e andam todos os dias a pensar na forma como derrubar a Frelimo e na forma de derrubar o MLPA", alertou João Lourenço.

De recordar que o ministro da Defesa João Lourenço, manteve ainda neste domingo encontros a porta fechada com o seu homólogo moçambicano Salvador Mtumuke, e o Chefe de Estado moçambicano Filipe Nyusi.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS