Governo russo garanta que Angosat-2 será mais sofisticado
O embaixador da Rússia em Angola, Vladimir Tararov, garantiu que se for necessário o lançamento do satélite AngoSat-2, o mesmo será mais sofisticado do que o AngoSat-1.

Apesar do ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, desmentir as informações que dão conta do desaparecimento do Angosat-1, o diplomata russo assegura que os angolanos não têm motivos para se preocupar caso se confirme o fracasso do primeiro satélite angolano.

"No caso de qualquer problema com o funcionamento do satélite, temos a possibilidade de retirar o dinheiro das companhias seguradoras e construir mais um satélite, o AngoSat-2", explicou o embaixador, acrescentando que o novo engenho será "mais sofisticado" e oferecerá "mais possibilidades" do que o primeiro.

Segundo informou Angola-Online, José Carvalho da Rocha não confirmou o desaparecimento do Angosat-1 e nem a existência de negociação entre os Governos de Angola e da Rússia para a construção de um segundo aparelho.

Mas, na segunda-feira, 23, sairá os resultados dos exames do Angosat-1, em conferência de imprensa, em Luanda.

Fonte: NJ e Redacção

REAÇÕES

COMENTÁRIOS