Dois a três mulheres foram mortas por companheiros, revela Polícia Nacional
Dados do relatório, sobre os factores de crimes passionais, divulgado pela Polícia Nacional, na província da Huíla, mostram que, dois a três mulheres morrem por semana.

Publicidade

Publicidade

O relatório a que à Angola-Online teve acesso, revela que no primeiro semestre do corrente, dos 69 homicídios registados na província, 59 são por questões passionais. Colocando as mulheres como as principais vítimas dos seus maridos.  

Os números indicam haver uma média de dois casos por semana. Por exemplo, nos últimos sete dias foram registados cinco assassinatos, sendo que três são pelas mesmas razões. A idade das vítimas varia dos 35 a 70 anos, segundo o documento.

Angop | Imagem de arquivo

REAÇÕES

COMENTÁRIOS