Cidadão chinês é detido por exploração ilegal de madeira
O Serviço de Investigação Criminal (SIC), deteve um cidadão chinês e apreendeu cinco camiões de madeira na localidade do Dirico, província do Cuando Cubango.

De acordo com o SIC, o cidadão chinês não tem documentos que lhe permitem exercer a actividade de exploração de madeira. 

A polícia deteve igualmente, sabe a Angola-Online, seis cidadãos nacionais por caça ilegal. 

De recordar que o Governo proibiu o corte, circulação e transportação de madeira, em todo território nacional, devido a exploração excessiva das florestas.

Fonte: TPA

REAÇÕES

COMENTÁRIOS