A partir de 2018 o sinal de internet no país terá melhorias significativas, fruto do contrato celebrado entre o Mistério das Telecomunicações e Tecnologias de Informação e a Google, empresa líder no ramo das telecomunicações e tecnologias a nível mundial, bem como com a entrada em funcionamento do primeiro satélite angolano, denominado Angosat 1.

A informação da celebração do contrato foi revelada pelo ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, aquando da palestra subordinada ao tema, “Os desafios do sector das tecnologias de informação e comunicação, oportunidades de serviços e negócios para os estudantes”, realizada ontem na no Instituto Superior de Ciências e Comunicação.

Durante a sua intervenção, o ministro fez saber que, Angola será um dos países da África subsariana com melhor acesso à internet, com a instalação dos cabos de fibra óptica Angola/Brasil/EUA e Inglaterra/Angola.

Segundo dados do último Censo, o país tem 4 milhões de utilizadores de internet, sendo que 50 % está activamente no Facebook.

11111975 Manetov

REAÇÕES

10
0
2
2
0
0
0
0

COMENTÁRIOS