Advogados levam “direito” nas ruas de Luanda
Os advogados saíram às ruas, para protestar contra a violação dos seus direitos no exercício da profissão, uma manifestação que se fez sentir em quase todo país.

Os advogados que publicaram uma declaração, em Luanda, condenam as atitudes da polícia e outras instituições públicas a todos os níveis, que interferem na sua actividade.

A Ordem dos advogados angolanos protagonizaram, em todo o país, manifestações contra a violação constante dos direitos dos seus filiados no exercício da sua actividade.

Segundo os advogados que publicaram uma declaração, em Luanda, condenam as atitudes da polícia e outras instituições públicas a todos os níveis, que interferem na sua actividade, cujos direitos estão garantidos pela Constituição da República e legislação complementar.

As marchas de advogados realizadas no sábado, surgem na sequência, de agressões a um advogado estagiário, numa esquadra da polícia registada recentemente, na região de Benguela.

O advogado acusado de desobediência as autoridades deve ser julgado nos próximos dias. Angola vive uma constante divergência entre a polícia, o ministério público e os advogados na administração da justiça do país ainda muito dependente do poder político.

Fonte: RFI | Foto: Mirian N'Zinga

REAÇÕES

COMENTÁRIOS