Actualização: Satélite Angolano não está desaparecido
O Governo angolano desmente as informações que dão conta do desaparecimento do primeiro satélite angolano, Angosat, lançado ontem, terça-feira.

Na saída da reunião do Conselho de Ministros, que teve lugar hoje, no Palácio Presidencial, o secretário de Estado para Telecomunicações e Tecnologias de Informação, Manuel Homem, desmentiu as informações veiculadas pelos órgãos de comunicação nacional e internacional, sobre o desaparecimento do Angosat.

Segundo Manuel Homem, sabe a Angola-Online, o satélite angolano entrou em órbita com sucesso, e nas próximas oito ou 16 horas, será dada informações sobre o “estado e prontidão” do Angosat. 

 O Angosat custou aos cofres do Estado angolano, 330 milhões de dólares, foi lançado as 20 horas, de ontem, a partir do centro espacial de Baikonur, no Cazaquistão.

REAÇÕES



COMENTÁRIOS