Acções de falsos profetas de igrejas e seitas serão punidas
A Ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, prometeu ontem em Luanda que as práticas das instituições religiosas que afectam as liberdades e direitos dos fiéis e que contribuem para a divisão da população em geral vão ser condenadas.
Angop

A afirmação foi feita durante o discurso proferido na visita que efectuou ao Museu Nacional de Histórias Naturais, num encontro que visou abordar a parceria entre o Estado e as instituições religiosas na promoção da solidariedade social.

“As autoridades não estão indiferentes aos fenómenos praticados pelas igrejas e seitas que atentam contra o bem comum, pelo que os que assim procedem vão ser punidos à luz do que está plasmado na Constituição angolana”, reiterou.

A governante, na presença de vários líderes de instituições religiosas e da sociedade civil prometeu apoio incondicional às igrejas registadas, realçando que o Executivo angolano conta com todas as igrejas que cumprem com o objecto social para a qual existem, que passa por auxiliar as autoridades e instituições do Estado na promoção da paz e harmonia social.

‘’As acções de falsos profetas de igrejas e seitas que usam o bom nome de Deus para professar falsas ideologias, nos seus cultos, têm os seus dias contados, pois em nada contribuem para a coesão social’’, afirmou a ministra da cultura.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS