Carla Pena lamenta representatividade da mulher na Comunicação
A jornalista Carla Pena, lamenta a representatividade das mulheres a nível de altos cargos nos órgãos de comunicação estatal.

A jornalista Carla Pena, foi a convidada de Wylsony dos Santos, na edição de ontem, do programa Mais Comunicação, que neste mês da primazia as mulheres da comunicação.    

Descontraidamente, a jornalista da Rádio Luanda, abordou sobre a participação da mulher na Comunicação, assédio moral, censura e outras questões que inquietam as jornalistas e comunicólogas. 

À caminho dos 13 anos de rádio, Carla Pena, reconhece a participação “forte” das mulheres na Comunicação e defende a necessidade da melhor representatividade.  

“Ainda precisamos de estar melhor representadas, sempre que se fala de assunto do género vai-se logo pensar na representatividade feminina, no que tem que ver com as chefias. Por exemplo, se olharmos para o quadro de representatividade feminina a nível de chefias nos órgãos estatais, principalmente, não encontramos nenhuma Presidente do Conselho de Administração”, assinala.   

Chamada a comentar sobre o assédio moral existente em muitos órgãos de comunicação, Carla Pena, deixou patente também acontece noutras áreas e, “as mulheres têm a capacidade para estar onde quiserem, sem precisarem de baixar a calça.”    

Questionado por Wylsony, por quê isso acontece?    

Carla Pena, respondeu: “seria uma pergunta para um homem, porque normalmente quem faz isso, são os homens, têm o poder de decisão…” E alertou as vítimas a denunciar tais práticas, porque “estamos num país democrático, cada vez que passa nós queremos exercer esta democracia e fazê-la valer.”  

Durante a entrevista, defendeu a aposta na formação de modo a incentivar a inovação e consequentemente atingir a qualidade tanto desejada, bem como, de acolher a crítica como “catapulta para melhoria do trabalho.”  

Já censurada e auto-censurada, como revelou, Carla Pena, disse a “auto-censura não surgiu do nada, surgiu exactamente da censura” e do “sistema.” 

Carla Pena é actualmente uma das apresentadoras do programa Viva a Noite e Kialumingo, dentro em breve, voltará moderar o espaço Direito ao Ponto, da Rádio Luanda. 

Mais Comunicação é um programa especializado na abordagem de temas relacionados a comunicação, emitido pela Rádio Kairós, aos sábados, às 14 horas.

REAÇÕES

COMENTÁRIOS